O Dia Internacional da Mulher, antes de tudo, é um dia destinado a reflexão sobre condições, posicionamentos e perspectivas de mulheres do mundo todo.

Dia 8 de março serve como referência para tornar inesquecível um evento que ocorreu em 1911, onde 129 mulheres perderam a vida durante o incêndio da Triangle Shirtwaist (Nova York) uma empresa que confeccionava camisas.

Mulheres unidas buscam por melhorias desde o início do século XX. Na pauta, estão injustiças salariais, jornadas extenuantes de trabalho (que já foram mais de 14 horas/dia), diminuição de direitos, preconceito e desrespeito as suas preferências.

Muitas dessas lutas chegaram a soluções com maiores benefícios para a mulher, contudo, não nos livramos de preconceitos e desmerecimentos.

Dia Internacional da Mulher: Uma data para refletir

A marca principal do Dia da Mulher, está também na oportunidade de celebrar todas as conquistas de cunho social, econômico, político e por que não dizer de opinião.

Se, em 1917 na Primeira Guerra Mundial, mais de 85 mil mulheres russas saíram as ruas para pedir mudanças e impulsionar a revisão de um Estado político caótico, hoje, mesmo sendo o Dia Internacional da Mulher reconhecido pela ONU (Organização das Nações Unidas) desde 1977, muitas das lutas ainda envolvem a igualdade.

A mulher, que hoje pode opinar, sentar-se à mesa, produzir conceitos e tendências, está diante da possibilidade de criar e melhor RECRIAR todas as nuances desse ser incrivelmente empoderado.

A busca ainda existe e sempre irá existir, afinal, infelizmente mulheres ganham menos que homens (em 2018 mulheres obtiveram 20% a menos em termos de rendimento financeiro em relação a homens) e muitas tem seus direitos civis usurpados sem piedade, sem falar de rótulos e tarjas, cunhados por insensíveis e imprevisíveis.

Mulheres, não alimentem o femismo, mas sejam feministas. Permaneçam na luta com austeridade, firmeza, foco e equilíbrio.

E para você mulher que esta lendo este texto, nós do Portal Ouro Branco te homenageamos com nosso respeito e reconhecimento, lembrando:

Não te dispa da tua essência e do teu caráter, orgulhe-se sempre do que és, elogie-se, presenteie-se e reconheça em ti um ser forte, capaz e adaptável.

Responder