Todos sabem que carnaval é uma festa tradicional, talvez uma das maiores do Brasil.

Reunindo milhões de pessoas que participam dos festejos ou estão envolvidos na produção do mesmo, não podemos ignorar a importância econômica da comemoração do Rei Momo.

Então aqui levantamos a pergunta: quem realmente ganha com essa mega indústria chamada carnaval?

A economia e o carnaval

Muitas pessoas encaram esta festa tradicional como um momento do ano onde podem viajar e escapar dos estresses e responsabilidades do dia a dia.

Mas é importante observar a relevância econômica que o carnaval possui. Do comércio ao turismo, vários setores são afetados.

Por exemplo, no ano de 2017, o carnaval, apenas na cidade do Rio de Janeiro, rendeu ao estado a quanta de 912 milhões de dólares, que dá mais de 3 bilhões de reais.

Isto em apenas 4 dias de festa. Neste período, somente o estado do Rio de Janeiro faturou mais que 2 Super Bowls, o evento esportivo mais rentável do mundo.

A rede hoteleira tem ocupação de cerca de 99% nesta época, ou seja, não há quartos nem nas grandes capitais onde acontece o carnaval, nem no interior, lar de festas mais tradicionais.

E o comércio não fica atrás

O setor do comércio também é beneficiado pela folia. Só em São Paulo são 9 milhões de pessoas comemorando, e gastando em lojas, bares e restaurantes.

Segundo a FecomercioSP (Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do estado de São Paulo) cada pessoa gasta uma média de R$ 45.

Isso dá certa de R$ 400 milhões de renda ao setor, o que coloca o carnaval na lista dos grandes eventos da cidade de São Paulo, ao lado da Formula 1 e da parada do orgulho LGBT.

Os principais setores que lucram neste períodos são:

  • Alimentação e bebidas;
  • Transportes;
  • Fantasias;
  • Hotéis e pousadas.

Porém, muitos outros empreendimentos podem aproveitar para lucrar também com o evento.

É a mostra que carnaval não é só diversão. Esta festa tradicional também impulsiona a economia dos lugares onde é realizada, o que a torna, sem dúvida um dos grandes eventos do Brasil.

Curta o carnaval em Ouro Branco/MG, e já aproveite para fazer sua inscrição na 38º Caminha da Inconfidência, afinal, nada melhor que repor energias após essa festa mágica com um evento ecológico e cultural!

Responder